Resenha Chrono Trigger

agosto 6, 2009 às 2:07 pm | Publicado em Games | 2 Comentários
Tags:

Bom todo mundo deve conhecer Chrono Trigger né? Se não conhece trate de conhecer JÁ e zera-lo. Antes de jogar esse jogo pra valer, eu achava que todos comentários ótimos sobre ele eram toscos, achava o jogo meia boca, e mimi de precipitação de quem não conhece o game.

Chrono Trigger foi criado por volta de 1995 pelo Dream Team da Squaresoft, composto pelo trio, Nobuo Uematsu(autor de todas aquelas musicas foderosas do game) Akira Toriyama(designer, dragon ball né!) e Hironobu Sakaguchi( o mentor de tudo). Levando em conciderasão a limitação técnica dos games na época, esse game merece levar 10 em todos quesitos. Feito originalmente para a plataforma SNES e depois de um tempo para PS1 onde foi implementado CGS animadas em desenho, muito fodas por sinal. Tá, deu de mimimi e vamo pra porra do caralho da resenha!

Graficos:

Se você tinha autoconciencia na época do SNES vai lembrar que em 1995 os graficos do Chrono Trigger eram os melhores, os mais bem feitos, todos os detalhes feitos com atenção, sem deixar nada passar, usando todo potencial gráfico do SNES, que para época era MUITO. Os gráficos de Chrono Trigger só podem ser comparados aos do Final Fantasy VI, outro game que aproveitou o máximo do velho e bom SNES.

Aqui o game merece um 10.

Vamos agora para a parte sonora do game;

Som:

As musicas desse game e os efeitos sonoros são dignos do nome Uematsu, até hoje fãs do game lembram delas perfeitamente, e tem até os mais viciados nos temas sonoros do game(como eu) que tentam tirar as musicas em instrumentos musicais, para só assim ficar com a sensação de ter zerado mesmo o game. Quem nunca quis tocar a Frog Theme na guitarra em?

Aqui o game leva outro 10

Vamos para a parte da história;

História:

Chrono Trigger tem a história mais bem feita forever… sem aquela melação novelistica dos novos RPG’s que muitos odeiam(alías eu gosto)conseguiu inovar bastante para época botando a questão da viajem no tempo, a complexidade de fazer coisas no passado por exemplo que alteram ações de NPC’s no futuro, como por exemplo a mulher que quer carne e quer compra-lá de você, mas se você da ela de graça para moça no futuro o descendente dela vai ser gentil e vai te dar a Sun Stone sem pedir nada! Eu gostei muito dessas coisas no jogo. Outro ponto forte são os personagens, quem não se lembra de Glenn o “Sapo” e Magus o mago de cabelos longos? Simplesmente algo inesquecível mesmo. Unica coisa que eu não gostei foi da porra do Lavos…cara Vilão mais sem graça forever, o bixano tem cara de taturana com dois cús, alem de nem falar nada ele suga a energia do planeta e pronto foda-se o resto, nesse ponto a square deixou a desejar, ja que sempre vão tentar comparar Lavos com Kefka por exemplo, coisa incomparável Kefka ganha de olhos fechados peidando.

Aqui o game leva um 9, por causa da merda do Lavos.

Agora vamos para o a jogabilidade;

Jogabilidade:

A jogabilidade do Chrono Trigger foi algo totalmente inovador para a época, aquelas batalhas no lugar da ação as Dual Techs e as Triple Techs, e tambem o primeiro game a ter a opção New Game +,pra quem não sabe NW+ é uma opção pra quem zera o game e quer zerar denovo, pode aproveitar tudo de como o jogo terminou, levels, itens e etc.

Bom o game ganha aqui outro 10!

Replay Value:

Chrono Trigger apesar de ser um RPG, e RPG’s não tem um Replay Value muito grande, Chrono Trigger se saiu muito bem, por ter cerca de DOZE finais, sim eu disse DOZE! Agora imagina ai, combina os 12 finais mais o New Game +… muito mais horas de gameplay, tentando descobrir os diversos finais ainda existentes, tem um até que o Glenn casa com uma descendente da Marle e ela consequentemente vira Sapo também!

Dezinho Aqui Tambem!

Juntando tudo o game merece um 9,7, já que o Lavos fez o game perder 3 décimos, mas não se engane não é porque Lavos é uma merda que não tem Vilões paralelos ótimos no jogo!

Anúncios

Por Dentro do RPG – Ilitides

julho 23, 2009 às 2:30 pm | Publicado em Epic | 1 Comentário
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Estavamos conversando entre nós quando surgiu a idéia: Que tal explicar/mostrar coisas sobre o RPG (coisas = monstros, raças, eticétera) para os mais leigos? Claro, nem todo nerdão conhece RPG, então vamos lá.

Então lá vamos nós.

Vou falar  sobre os Devoradores de Mente, ou Mind Flayers. São as aberrações que apareceu na história de Kaleronn, postada aqui no Taverna Nerd, narrada pelo Dungeon Master Santhell e protagonizada por mim.

Imagem de um Devorador de Mentes, retirado do site http://www.wizard.com

O Devorador de Mentes tem a altura aproximada de um humano. Sua pele é emborrachada e de cor malva, além de brilhar como lodo. Sua cabeça lembra um polvo de quatro tentáculos, e se torna ainda mais horripilante devido aos olhos fundos e brancos.

Os Devoradores de Mente, também conhecidos como ilitides, são tão insidiosos, diabólicos e poderosos que todos os habitantes de Underdark os temem. Eles curvam os demais a sua vontade e destroem a mente de seus adversários.

Sociedade dos Devoradores de Mente

Os Devoradores de Mente se congregam em cidades subterrâneas de 200 até 2000 habitantes, mais dois escravos para cada ilitide (no mínimo). Os escravos obedecem aos seus mestres sem questionar. O centro da comunidade é o ”Cérebro Ancião”, uma pscina de fluídos salgados que contém o cérebro dos ilitides falecidos.

Embora estejam em constante competição pelo poder, os ilitides estão sempre dispostos a trabalhar juntos. Um pequeno grupo dessas criaturas, conhecidos como inquisição, com frequência é enviado para desenterrar algum segredo sombrio e terrível. Em diversos aspectos, uma inquisição de ilitides não é muito diferente de um grupo de aventureiros, onde cada membro contribui com suas perícias e conhecimentos em favor do grupo.

Quando uma tarefa é muito grande para uma inquisição, os ilitides costumam formar cultos. Um par de ilitides feiticeiros comanda o grupo, ambos lutando pela supremacia.

Livro dos monstros, D&D 3.5ª Edição.

Ilitides são criaturas que vivem em underdark e nunca ouvi falar de algum deles na superfície… Pera aí…
Eu já vi um deles em algum lugar… Navegando pelos mares!

Davy Jones! Seria ele um Ilitide?

Não vamos confundir as coisas hehe.

Espero que tenham gostado. Em breve teremos mais!


Entries e comentários feeds.