Activision-Blizzard oficialmente no Brasil

agosto 10, 2009 às 5:11 pm | Publicado em Epic, Games, News | Deixe um comentário
Tags: , , , , , , , , ,


Recentemente, em São Paulo, o executivo John Dillulo, diretor da Activision Blizzard para a América Latina, anunciou a vinda oficial da distribuidora para o Brasil.

A notícia não foi muito destaque por aí, porém um amigo me mandou o link por msn da capa da EGW, daí aparece lá embaixo, escondidinha, a chamada pra matéria (clique pra ver maior).

Como foi um primeiro contato, ele não entrou em detalhes se a companhia vai montar um escritório local ou lançar “World of WarCraft”. Porém, Dillulo enfatizou que é a primeira de muitas visitas dele ao país e que a Activision veio para ficar. Mesmo assim, ainda não está claro quais serão os benefícios para os consumidores brasileiros.

Há um tempo tinha visto no site da Blizzard, a vaga aberta “Regional Manager – Latin America and Brazil“. Era uma pista.

Fonte: WoWGirl (Lembrando que GIRL = Guy In Real Life)

Ae galere, imaginem só um servidor cheio de jogadores falando “Gibe moni plz” “HAUHAUHAUHAUHA” “br?”

Vai ser divertido rs

Anúncios

Resenha Chrono Trigger

agosto 6, 2009 às 2:07 pm | Publicado em Games | 2 Comentários
Tags:

Bom todo mundo deve conhecer Chrono Trigger né? Se não conhece trate de conhecer JÁ e zera-lo. Antes de jogar esse jogo pra valer, eu achava que todos comentários ótimos sobre ele eram toscos, achava o jogo meia boca, e mimi de precipitação de quem não conhece o game.

Chrono Trigger foi criado por volta de 1995 pelo Dream Team da Squaresoft, composto pelo trio, Nobuo Uematsu(autor de todas aquelas musicas foderosas do game) Akira Toriyama(designer, dragon ball né!) e Hironobu Sakaguchi( o mentor de tudo). Levando em conciderasão a limitação técnica dos games na época, esse game merece levar 10 em todos quesitos. Feito originalmente para a plataforma SNES e depois de um tempo para PS1 onde foi implementado CGS animadas em desenho, muito fodas por sinal. Tá, deu de mimimi e vamo pra porra do caralho da resenha!

Graficos:

Se você tinha autoconciencia na época do SNES vai lembrar que em 1995 os graficos do Chrono Trigger eram os melhores, os mais bem feitos, todos os detalhes feitos com atenção, sem deixar nada passar, usando todo potencial gráfico do SNES, que para época era MUITO. Os gráficos de Chrono Trigger só podem ser comparados aos do Final Fantasy VI, outro game que aproveitou o máximo do velho e bom SNES.

Aqui o game merece um 10.

Vamos agora para a parte sonora do game;

Som:

As musicas desse game e os efeitos sonoros são dignos do nome Uematsu, até hoje fãs do game lembram delas perfeitamente, e tem até os mais viciados nos temas sonoros do game(como eu) que tentam tirar as musicas em instrumentos musicais, para só assim ficar com a sensação de ter zerado mesmo o game. Quem nunca quis tocar a Frog Theme na guitarra em?

Aqui o game leva outro 10

Vamos para a parte da história;

História:

Chrono Trigger tem a história mais bem feita forever… sem aquela melação novelistica dos novos RPG’s que muitos odeiam(alías eu gosto)conseguiu inovar bastante para época botando a questão da viajem no tempo, a complexidade de fazer coisas no passado por exemplo que alteram ações de NPC’s no futuro, como por exemplo a mulher que quer carne e quer compra-lá de você, mas se você da ela de graça para moça no futuro o descendente dela vai ser gentil e vai te dar a Sun Stone sem pedir nada! Eu gostei muito dessas coisas no jogo. Outro ponto forte são os personagens, quem não se lembra de Glenn o “Sapo” e Magus o mago de cabelos longos? Simplesmente algo inesquecível mesmo. Unica coisa que eu não gostei foi da porra do Lavos…cara Vilão mais sem graça forever, o bixano tem cara de taturana com dois cús, alem de nem falar nada ele suga a energia do planeta e pronto foda-se o resto, nesse ponto a square deixou a desejar, ja que sempre vão tentar comparar Lavos com Kefka por exemplo, coisa incomparável Kefka ganha de olhos fechados peidando.

Aqui o game leva um 9, por causa da merda do Lavos.

Agora vamos para o a jogabilidade;

Jogabilidade:

A jogabilidade do Chrono Trigger foi algo totalmente inovador para a época, aquelas batalhas no lugar da ação as Dual Techs e as Triple Techs, e tambem o primeiro game a ter a opção New Game +,pra quem não sabe NW+ é uma opção pra quem zera o game e quer zerar denovo, pode aproveitar tudo de como o jogo terminou, levels, itens e etc.

Bom o game ganha aqui outro 10!

Replay Value:

Chrono Trigger apesar de ser um RPG, e RPG’s não tem um Replay Value muito grande, Chrono Trigger se saiu muito bem, por ter cerca de DOZE finais, sim eu disse DOZE! Agora imagina ai, combina os 12 finais mais o New Game +… muito mais horas de gameplay, tentando descobrir os diversos finais ainda existentes, tem um até que o Glenn casa com uma descendente da Marle e ela consequentemente vira Sapo também!

Dezinho Aqui Tambem!

Juntando tudo o game merece um 9,7, já que o Lavos fez o game perder 3 décimos, mas não se engane não é porque Lavos é uma merda que não tem Vilões paralelos ótimos no jogo!

Now Loading…

agosto 2, 2009 às 9:07 pm | Publicado em Epic, fun, Games | 1 Comentário
Tags: , , , , , , , , , , , ,

Super Mario Bros.

Super Mario Bros. 3

Creditos ao Mega64 🙂

Monster Hunter 3 ‘Tri-‘ Demo – Impressões

junho 10, 2009 às 4:19 am | Publicado em Games | Deixe um comentário

Monster Hunter é uma série consagrada no Japão, million seller, diga-se de passagem. Para quem não conhece consiste em caçar monstrões com enormes quantidades de vida onde é exigida uma estratégia nova para cada combate. Conforme são mortos o personagem sobe de rank dando possibilidade para ir atrás de monstros cada vez mais fortes chegando à beirar o impossível. Ao chegar em ranks mais elevados, jogar no Single não é mais viável , demorando muito nas batalhas e morrer fica fácil, mas é aí que entra a diversão…4 Players Co-Op…juntar os amigos para matar os bichanos . O jogo não se trata de um hack ‘n slash aos moldes de Devil May Cry, e sim decorre de uma maneira mais lenta, não podemos sair apenas atacando como acontece em alguns do gênero, temos que criar uma estratégia…avançar, recuar, usar armadilhas entre outros para conseguir derrotar os monstrengos. Além disso podemos criar poções, armas e equipamentos a partir de matérias primas obtidas durante o jogo, estas matérias são obtidas das mais variadas maneiras como minerando e coletando ervas.

A um tempo atrás foi anunciado o Monster Hunter 3 para o PS3, mas logo depois a Capcom anunciou que tinha mudado para o Wii…Sim! A série era estabelecida na Sony, com suas versões para PS2 e PSP. A mudança de plataforma acredito que foi devido ao Wii ter uma base muito mais numerosa no Japão, e isso geraria muito mais vendas para o jogo. MH3 deve ser lançado em 1 de Agosto no Japão, já uma versão para o ocidente ainda não tem data.

Para embalar as vendas do MH3 a capcom decidiu portar o Monster Hunter G de PSP/PS2 para o wii acompanhada de uma demo do MH3 contendo 2 monstros e alguns personagens pré-criados com itens e um tipo de arma padrão(Great Swords, Lances, Hammers, Bowguns, Sword/Shield, Katanas, e a nova categoria Slash Axes) e foi esse demo que eu experimentei. Eu nunca tinha jogado o jogo, e admito que achava muito coisa de japonês, mas dei uma chance…peguei a demo e me impressionei! A dificuldade do jogo me agradou, me lembrou matar bosses em MMORPGS onde é necessário um planejamento. A movimentação é fluída, o controle da camêra é fácil e a movimentação do personagem também. Uma coisa que me agradou bastante foi as batalhas submersas, mergulhar é simples e intuitivo, o personagem é guiado pelo o ângulo da câmera. A minha única dificuldade foi ter que tentar adivinhar os textos, por o demo ser japa. Na parte da batalha a IA dos monstros me fez sorrir, fazia um tempo que não via algo assim, o monstro muda de alvo e até ataca outros monstros no cenário se não simpatizar com eles ou se estão atrapalhando, eles recuam, chamam alguns mobs para te atrapalhar e até mesmo correm para outros mapas para se recuperar. Seguindo a localização do monstro no mapa, indicava que ele estava em uma caverna, quando entrei lá o monstro que era um espécie de dinossauro estava dormindo! Isso mesmo dormindo, hah! Aproveitei e cheguei metendo a faca. Os ambientes são vivos e povoados por monstros, alguns pacíficos outros não, o ambiente é bem detalhado, os gráficos estão top para o padrão do wii, a única coisa que não me agradou é o cenário ser dividido em vários mini-cenários tendo um loading entre cada transição, não é nada que atrapalhe e contando que estamos falando da potência do wii, não conseguiríamos ver o jogo “open world” com a mesma qualidade gráfica e de detalhes.

Ainda é cedo para tirar uma conclusão final de MH3, mas podemos saber que na versão final veremos todos os aspectos mais otimizados e finalmente a possibilidade de jogar multiplayer online(4 Players) e offline(2 Players) .

E3 – 2009

maio 31, 2009 às 2:37 am | Publicado em Games | Deixe um comentário

A E3 é uma feira de exposição que ocorre anualmente em lugares préviamente decididos, aonde grandes empresas ligadas ao entertenimento eletrônico tem espaço para divulgar suas novidades, anunciar novas franquias de jogos, novas tecnologias e fazer com que o hype dos fãs vá lá em cima! A verdade é que a E3 é o evento mais importante na industria de games, e geralmente faz com que os nerds tetudos amantes dos jogos digitais roam as unhas durante suas conferencias, grandes rumores se confirmam e o resultado: em poucos minutos temos fóruns de gamers cheios de flame war, apenas uma disputa besta de quem anunciou jogo x e qual jogo y não é mais exclusivo. IMO quanto mais jogos forem multi plataforma mais pessoas poderiam usufruir dos mesmos, assim todos ficam felizes…Mas não é isso que acontece, na prática pessoas que possuem o console ‘x’ lutam até a morte para se conformar que console ‘x’ foi a melhor escolha e console ‘y’ e ‘z’ são ruins. A E3 deste ano irá começar dia 1 de Junho(amanha pela data deste post) e vai terminar dia 4 de Junho. Há também vários outras produtoras sempre contando com alguns demos jogaveis e ou informações sobre futuros lançamentos. Resumindo esta semana é com certeza uma das semanas que vai marcar o mundo gamer com alguns anúncios inesperados igual a E3 passada quando a Microsoft anunciou que tinha conseguido a quebra da exclusividade de Final Fantasy XIII que até aquele momento era apenas da Sony o que gerou um burburinho estrondoso e flame wars que se extendem até os dias de hoje. As datas e as horas das press conferences são os seguintes:

  • Microsoft – 1 de Junho, 10:30AM*
  • EA – 1 de Junho, 2:00OM*
  • Ubisoft – 1 de Junho, 5:00PM *
  • Nintendo – 2 de junho, 9:00AM*
  • Sony – 2 de Junho, 11:00AM*

Quem tá querendo ver ao vivo essas conferencias pode acessar o GameTrailers.com que vai fazer streaming das conferencias. Fiquem atentos tetas, e deixem o ismo de lado.

*Hora do pacifico.


Entries e comentários feeds.